A importância de aulas em laboratório na faculdade

Compartilhe:

Dinâmicas, práticas, interativas e desafiadoras, as aulas em laboratório são extremamente aguardadas por todos os alunos.

As aulas em laboratório são aquelas que, de maneira geral, mais estimulam a participação do aluno. Por serem práticas e possibilitarem testar tudo aquilo que é aprendido na teoria, elas têm um sabor especial. Mas, a importância das práticas laboratoriais têm ainda mais benefícios. Confira alguns deles, selecionados a partir de opinião de universitários da Uniso.

Aula prática e dinâmica

Para os alunos, as aulas práticas em laboratórios dão dinamismo ao curso e motivam ainda mais os estudantes.

“As aulas práticas são muitos eficientes, pra gente poder entender melhor a parte teórica e absorver melhor o conhecimento”, comenta Noemi Fernanda, do curso de Engenharia Elétrica.

Interação com outros alunos

As aulas laboratoriais facilitam o relacionamento entre os colegas de classe e, em alguns casos, até de outros cursos.

Para muitos alunos, participar de aulas em laboratório é uma oportunidade de ter a interação com colegas que a sala de aula não permite, seja pelo foco na exposição do professor ou até pela disposição das cadeiras em sala.

Em alguns casos, há pesquisas que são desenvolvidas em laboratórios que unem estudantes que participam da Iniciação Científica e alunos do Mestrado e Doutorado, proporcionando um intercâmbio muito rico de informações.

Fase de experimentos

Albert Einstein disse, certa vez, que falhou 99 vezes e que na centésima vez conseguiu. No contexto, ele fala sobre persistência, mas sua frase também nos dá uma ideia de uma das funções do laboratório, que é fazer experimentos. Isso significa uma grande possibilidade de errar até que se consiga obter resultados positivos. E, como dizem professores, a faculdade é o lugar para errar.

Os alunos até quebram a cabeça muitas vezes, mas adoram. “Você ver na sala de aula, nas listas de exercício é uma coisa, mas agora você fazer na prática é muito mais legal do que ficar só na folha de papel”, diz Rafael Sarubo, aluno de Engenharia Mecânica.

Intimidade com equipamentos

As aulas em laboratórios também significam adquirir intimidade com equipamentos que poderão utilizar na profissão. Muitos amantes de jornalismo ou publicidade televisivos nunca haviam entrado em um estúdio de TV antes de começarem o curso na área de Comunicação Social. Da mesma forma, um laboratório de Pesquisa Toxicológica provavelmente era território desconhecido para quem acaba de entrar em cursos da área de Saúde.

Quanto mais íntimo do equipamento, mais preparado o aluno fica para usá-lo em sua atuação profissional.

Para a aluna de Engenharia de Alimentos, Cláudia Domingues, o curso é bom e tem ótimo professores, e é nas aulas práticas que ela se realiza.  “Os laboratórios são novos, temos equipamentos aqui que eu acho que muitas instituições não têm”.

Aproximação com a ciência

Microscópios, tubos de ensaio, computadores, aparelhos dos mais diversos tipos e com finalidades diferentes. Tudo isso, aliado a uma forma metódica e disciplinada de trabalho e o contato com pesquisadores, pode fazer despertar no aluno a vontade de fazer ciência, de participar de um projeto de iniciação científica.

Compartilhe:

Conversas

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *