10 dicas para se dar bem nas provas e trabalhos de fim de ano

Compartilhe:

Fim de ano chegando e as merecidas férias estão cada vez mais próximas. Antes, porém, tem que passar por uma série de provas e trabalhos de conclusão e é aí que o bicho pega. Claro, a dica mais importante é se dedicar durante o semestre todo. Mas, sabemos que não é tão fácil assim para quem trabalha, tem suas responsabilidades cotidianas e ainda precisa dar conta de um curso superior. Para te ajudar a encarar provas e trabalhos de forma mais tranquila, organizamos dicas que podem fazer toda a diferença em seus estudos.

1 – Não se desespere

Deixar que a quantidade de provas e trabalhos te desequilibre emocionalmente já é o primeiro passo para que tudo comece a desandar. Neste caso, por mais que a situação pareça desesperadora, manter a calma é fundamental. Que tal ouvir aquela playlist que te coloca pra cima para motivar e planejar o estudo com naturalidade?

2 – Não cobre demais de si

Você conhece seu potencial, sabe onde quer chegar e o que quer da vida. No entanto, sabe que é uma etapa difícil e que algumas coisas podem dar errado. A nota ou o desempenho no trabalho proposto pode ficar aquém do esperado. Einstein, Darwin, Beethoven, considerados gênios, também já levaram “bomba” nos estudos. Portanto, alguns tropeços são inevitáveis e devem ser encarados com naturalidade e como aprendizado.

3 – Evite procrastinar

Se não é legal se desesperar, deixar que tudo se resolva misteriosamente na última hora também não adianta. Já que uma hora ou outra você terá de estudar, se pode fazer isso agora, por que deixar para quando o prazo estiver batendo à sua porta?

4 – Organize-se!

Faça uma lista de todas as atividades e trabalhos; coloque no papel ou mantenha uma agenda eletrônica. Classifique por prioridades, avalie quanto tempo deve se dedicar para cada atividade. Com organização, fica muito mais fácil.

5 – Organize seu tempo

Você pode pensar que não sobra tempo para estudar, mas, às vezes, o problema é a falta de gerenciamento. Defina um período para estudar diariamente, coloque o relógio para despertar no horário definido e crie uma rotina. Se não dá para separar muito tempo diariamente, separe menos tempo de segunda a sexta e mais tempo aos finais de semana.

6 – Organize seu espaço

Estudar em um ambiente bagunçado não é produtivo. Organize o espaço que irá utilizar, considerando se é suficientemente tranquilo e reservado. Certifique-se de que livros e materiais de apoio fiquem dispostos de maneira funcional. Para tornar o processo menos cansativo, vale a pena prestar atenção em alguns detalhes, desde a cadeira que pode causar dores nas costas até a iluminação do ambiente que pode fazer com que sua vista se canse com mais facilidade.

7 – Melhor desconectar

Sabemos o quanto é difícil ficar sem as redes sociais, mas elas são um convite à procrastinação. Claro que você pode utilizar o whatsapp para pedir ajuda a colegas ou para tirar dúvidas, mas reserve os últimos minutos de estudo para isso. Do contrário, correrá o risco de desviar a atenção do que realmente importa.

8 – Faça testes práticos

De acordo com especialistas, exercícios são até duas vezes mais eficazes do que as outras formas de estudo. É mais fácil aprender um conteúdo com questões de múltipla escolha, preenchimento de lacunas, verdadeiro ou falso, e outros. Se o trabalho envolve produção de texto, escreva, revise e guarde. No outro dia, releia o que escreveu, isso pode ajudá-lo a avaliar se o conteúdo está bom ou se precisa ser editado.

9 – Simule uma apresentação

Caso esteja se preparando para uma apresentação oral, experimente ensaiar o conteúdo a ser apresentado em voz alta para alguém. Peça para que essa pessoa faça perguntas, o que irá prepará-lo para eventuais questionamentos durante sua apresentação. No mais, explicar aquilo que estudou ajuda a fixar os assuntos.

10 – Mantenha o foco

Todas as dicas aqui apresentadas somente serão bem aproveitadas se você mantiver o foco. Se estabeleceu seu cronograma, definiu como irá estudar, conseguiu se organizar, agora é ter em mente que este é seu objetivo e que não irá abandoná-lo no meio do caminho.

Gostou das dicas? Então compartilhe com os colegas e bons estudos!

 

 

Compartilhe:

Conversas

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *